nucind

Archive for agosto \27\UTC 2009|Monthly archive page

Caramelo (Sukkar Banat) – França Líbano : 2007

In Uncategorized on agosto 27, 2009 at 18:50

caramelo-poster01

Caramelo retrata de forma singela e doce a a vida de cinco mulheres que trabalham no Sibele, salão de beleza situado em Beirute, misturando a tradição da cultura libanesa com a modernidade da sociedade atual.

Layale (Nadine Labaki) é amante de um homem casado e sonha que seu amor seja correspondido, Nisrine (Yasmine Elmasri) está prestes a casar e ainda tem muitas dúvidas a respeito do matrimônio, Rima (Joanna Moukarzel) que sente atração por mulheres está procura de alguém especial, Jamale (Gisèle Aouad) tenta desesperadamente um emprego em comerciais de tv, achando que sua aparência ainda é a de uma adolescente e assim não aceitando sua idade real .

600--caramelo_01
Do outro lado da rua vive Rose (Sihame Haddad) que abriu mão de sua vida para cuidar da irmã mais velha (uma velha doida que costuma catar papeis na rua). O salão “Sibele”  é o reduto deste charmoso quinteto aonde tudo acontece. Caramelo é um filme que mostra uma Beirute feminina e sensível escrito e dirigido por Nadine Labaki que também é uma das protagonistas junto com este maravilhoso elenco.

Caramelo NADINE LABAKI
Caramelo me fez sentir algo que filmes de produções alterativas como o Tempero da Vida, Pão e Tulipas e outros deste genêro fizeram, ter a sensação de cumpliciade com o roteiro e seus personagens, o que poucos filmes conseguem!!! Dando uma atenção especial para a parte técnica que conseguiu com a fotografia de Yves Sehnaoui explorar de forma delicada esta Beirute que tenho certeza poucos conhecem… Caramelo é um daqueles filmes doces e inesquecíveis, para meninas e meninos também !!!

Foi o representante do Lí­bano ao Oscar de melhor filme estrangeiro.

Avaliação: stars-4-5

Juliane Taborda

Os Normais 2 (2009)

In Uncategorized on agosto 27, 2009 at 02:29

os-normais-2

Essa talvez será a crítica mais curta que farei, pois foi um dos filmes mais curtos que assisti…

De filme,  filme mesmo, são 45 min, nada mais é que um episódio de sexta a noite…  Mais 15min deles cantando “Livin’ La Vida Loca”, “Seu Tuzinho” e “Portela” ,  umas enrolações aqui uns slow motion ali dá-se 1h15 de filme!

13_1323-normais 2

Tenho que admitir que a história é engraçadissima, como o seriado sempre foi, e com cenas muito boas, como a do pop-quiz no banheiro, a francesa no bar e nas cenas de tentativas frustradas de ménage à trois eu quase caí da cadeira de tanto rir.

osnormais2_1

Mas, vamos lá né… Qual é a dos caras descendo a porrada na velhinha?! E qual é a do bicho-preguiça?!

Se você for realmente fã de Rui e Vani ou de Fernanda Torres e Luiz Fernando Guimarães (e claro sem esquecer a Claudia Raia!!) vá ao cinema! Mas, se for como eu, espere chegar na locadora, faça um pacote com o box da série e o primeiro filme, um balde de pipoca e pronto! Tá feito o fim-de-semana

Valquiria Silvestre

Estréia: 28/08/2009

Avaliação: Duas e meia estrelinhas

Avatar (15´de cenas inéditas)

In Uncategorized on agosto 24, 2009 at 21:30

avatar_02

James Cameron, depois de 14 anos com este filme idealizado, consegue graças aos recursos tecnológicos atuais, lançar Avatar. Um épico de ação e aventura que vai além de sua imaginação.

avatar_01

Para divulgar e deixar todos só na vontade e anciosos para a estréia, James Cameron liberou 15 minutos de cenas inéditas para um grupo pequeno de convidados, além da imprensa. E para ficar ainda mais fabuloso e genial, estas cenas foram passadas em salas IMAX 3D.

100_1915

Foi uma experiência genial, o filme te leva a um estado de pura imersão, com recusros tecnológicos jamais vistos e sentidos. Além de ser um projeto inovador como filme (cinema), é também um avanço na tecnologia revolucionária, levando o telespectador a quase interagir com a emoção dos personagens, participando como se estivesse dentro daquele mundo, ou espiando de dentro do filme.

Trailer

Não tenho dúvida de que será um sucesso. Agora só nós resta esperar.

Estréia 18.12.2009

Fulton Nogueira
Nucind Curitiba

Brüno (2009)

In Uncategorized on agosto 13, 2009 at 21:26

!cid_image003_jpg@01CA176E

Em BRÜNO, Sacha Baron Cohen apresenta aos cinéfilos o novo e espetacular personagem de sua série premiada: um fashionista gay que é apresentador de um programa noturno de moda de maior audiência em todos os países de fala germânica…excetuando-se a Alemanha.

bruno_08

Com um humor realista e documental, Sacha Baron, conseguiu mais uma vez convencer os telespectadores, piadas inteligentes e ácidas, que foram feitas mesmo escapando de processos e prisões. Sacha consegue dar um tapa na moralidade e no racismo e ainda sentar em cima e dar risadas.

Conseguiu captar imagens expontâneas em várias situações embaraçosas, como na retirada de um menininho africano de uma caixa de papelão em plena esteira de aeroporto ou de senhores e senhoras assistindo seu programa piloto, onde o desfeicho é seu pênis girando e ainda abrindo a boquinha.

bruno_22

Se estiver com vontade de rir e ver imagens de piadas ácidas, vá correndo aos cinemas e depois repita nas locadoras.
Imperdível!

Fulton Nogueira
Nucind Curitiba

Avaliação: stars-4

Estréia: 14 de Agosto de 2009

G.I.Joe: A Origem de Cobra ( G.I.Joe The Rise of Cobra – 2009 )

In Uncategorized on agosto 5, 2009 at 20:56

poster

Vídeo: G.I. JOE – Stephen Sommers in Paris

Mais um brinquedo da Hasbro, assim como Transformers, virando filme, sendo que G.I. Joe superou.
O filme conta a história do grupo de elite G.I. Joe, que usam armas com tecnologias ultra-modernas, para evitar que Destro, um comerciante de armas e o grupo inimigo de Cobra levem o mundo ao caos, adquirindo uma nano-arma que corroe metais.

gijoe_48

Com os mesmos produtores de Transformers e dirigido por Stephen Sommers (Van Helsing e o Retorno da Múmia), o filme é uma avalanche de efeitos especiais e muita ação e efeitos sonoros que chegam a incomodar e não te deixa nem respirar.

gijoe_33

Fora a cena espetacular de perseguição de dois J.I.s com roupas especiais atrás de uma Hummer, o restante caiu no clichê de sempre, com flash-backs ridicularmente usados, mulheres com roupas sexy e piadinhas já usadas.

Vale pelo excesso de ação e pela cena de perseguição. O filme ficou voltado para o público adolescente e para os fãs de Comandos em Ação.

Fulton Nogueira
Nucind Curitiba

Avaliação: stars-2-5

Estréia: 07 de Agosto de 2009

O Contador de Histórias – 2009

In Uncategorized on agosto 5, 2009 at 12:39

contadordehistorias_01

Baseado na história de Roberto Carlos Ramos, palestrante conhecido por suas brilhantes histórias e pela chácara mantida por ele para seus 13 filhos “irrecuperáveis” como ele mesmo foi considerado um dia pela FEBEM.

O filme se passa em Belo Horizonte, fim da década de 70. Caçula de dez irmãos e morador de favela, é o escolhido por sua mãe para ir viver numa nova instituição anunciada pelo governo como uma oportunidade para aqueles que viviam na pobreza (FEBEM).  Mas é claro, ele descobre que lá não é nenhum  sonho de garoto. E então começam as fugas, os pequenos roubos nas ruas.

Quando Margherit (Maria de Medeiros), pedagoga francesa que estuda casos como o de Roberto no Brasil,  o encontra pela primeira vez, ela fica encantada com a facilidade de Roberto para contar sua história e demostra grande interesse na vida do garoto.  Levando-o para morar em sua casa, eles trocam histórias e experiências.

poster

A primeira coisa que falei quando saí do cinema foi sobre como o filme tinha me emocionado, me deixando com um nó na garganta umas 10 vezes durante o filme todo.  A coisa que menos notei foi técnica, pois a história é de uma doçura tão grande que nem me importaria se a imagem e som não fossem lá aquelas coisas.

imagem 01

Para o papel de Margherit, Luiz Villaça, precisava de uma mulher francesa que falasse português. E contou com a participação da atriz portuguesa Maria de Medeiros (de “Pulp Fiction”) no papel da pedagoga. A Maria de Medeiros é portuguesa, mas viveu muito tempo na França, e com certeza tenho que bater palmas para ela que levou o filme todo sem perder o encanto. Tenho que mencionar também que a fase de Roberto que mais gostei foi a de Daniel Henrique (Roberto – 6 anos de idade), o garoto é tão fofinho que dá vontade de guardar em um potinho.

Assista, prestigie o cinema nacional, porque o filme vale a pena sim!!

Valquiria Silvestre
Nucind Curitiba

Estréia: 07 de agosto de 2009

Avaliação: stars-4-5

%d blogueiros gostam disto: